05
fev

Angelina Caron inaugura Unidade de Dor Torácica

UDT no Pronto-Socorro do hospital conta com atendimento 24 horas e cardiologistas de plantão para emergências cardíacas

O Hospital Angelina Caron (HAC), em Campina Grande do Sul, na Região Metropolitana de Curitiba, acaba de inaugurar uma Unidade de Dor Torácica (UDT), nos atendimentos de Urgência e Emergência no Pronto-Socorro do hospital. Além de atendimento 24 horas, a UDT conta com um cardiologista de plantão.

“A unidade amplia a rapidez na avaliação e no diagnóstico, pois segue protocolos específicos que, em casos de infarto, por exemplo, reduzem significativamente os riscos de sequelas e aumentam as chances de recuperação do paciente. A dor torácica tem um protocolo próprio a ser seguido que inclui exames de sangue, eletrocardiograma e outros mais avançados utilizados de acordo com cada caso”, explica o médico Dalton Precoma, chefe de cardiologia do HAC e diretor científico da Sociedade Brasileira de Cardiologia.

Segundo Precoma, são poucos os hospitais que têm uma UDT especializada como essa em pronto-socorros. “Outro diferencial da unidade é que poderemos aprimorar a pesquisa clínica do Núcleo de Ensino e Pesquisa do HAC a partir do atendimento desses pacientes. Temos estudos específicos de dor torácica e infarto agudo, por exemplo”, detalha.

Atendimento deficitário

Estima-se que cerca de 8% a 10% dos atendimentos em salas de emergência no Brasil são de pacientes com sintomas de dor torácica, a maioria com suspeita de síndrome coronariana aguda (infarto e angina). Por outro lado, cerca de 2% a 3% dos pacientes com essa síndrome acabam sendo indevidamente liberados das salas de emergência sem ter a doença reconhecida ou suspeitada – público que acaba entrando nas estatísticas de 300 a 400 mil infartos do miocárdio por ano no país.      

Sobre o Hospital Angelina Caron

O Hospital Angelina Caron está localizado na cidade de Campina Grande do Sul, na Grande Curitiba (PR). De caráter eminentemente social, o local é um centro médico-hospitalar de referência no Sul do País e um dos maiores parceiros do Sistema Único de Saúde (SUS) no Paraná. Realiza, anualmente, 420 mil atendimentos a pacientes de todo o país. Atua em todas as vertentes da medicina e é um centro tradicional de fomento ao ensino e à pesquisa.  O setor de transplantes é um dos mais destacados, reconhecido internacionalmente, com cerca de 300 procedimentos por ano nas áreas hepática, renal, reno-pancreática, cardíaca e de tecidos corneanos.



« Voltar

24
abr

Nadadora do Clube Curitibano garante vaga para Jogos Pan-Americanos no Peru

Fernanda de Goeij venceu os 200 metros costas do Troféu Maria Lenk, no Rio

+MAIS

24
abr

Mercado de condomínios logísticos melhora na Região Sul

Paraná tem a maior absorção líquida, seguido de SC e RS

+MAIS

23
abr

Previdência privada pode garantir conforto na terceira idade

Gerente da Porto Seguro no Paraná lembra que as vantagens de contratar um plano individual vão além da dedução no Imposto de Renda

+MAIS

23
abr

Carmen Steffens desfila no Curitibano

+MAIS